Argila preta: como usar na rotina de beleza

0 111

Você já deve ter visto em algum lugar alguém passando um creme preto no rosto. Este creme é a argila preta, rica em silício, alumínio e titânio que são nada mais do que componentes que tem um alto poder rejuvenescedor e por isso, tem conquistado cada vez mais as pessoas.

O que é argila preta

Além de rejuvenescedor, a argila preta tem propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias. A parte preta é a mais nobre dentre todas as argilas, já que ela é extraída de lama vulcânica, o que a torna bastante rara.

As substâncias presentes na argila preta são capazes de beneficiar tanto a pele quanto o cabelo, pois juntas agem como um poderoso cicatrizante, capaz de atuar na renovação celular e controlar a oleosidade.

Benefícios da argila preta

  • Ajuda a ativar a circulação sanguínea da pele
  • Tem ação anti-inflamatória e antisséptica
  • Atua como cicatrizante
  • Beneficia o couro cabeludo
  • Controla a oleosidade da pele e do cabelo
  • Contribui com a produção de colágeno na pele
  • Devolve o brilho natural para a pele e cabelo

Argila preta em tratamentos de pele

Há algum tempo, a argila preta vem sendo usada em tratamentos estéticos. O seu uso promete remover células mortas e fechar os poros do rosto. É recomendada para tratamentos de acne e tem um poder incrível de iluminar e alisar a pele.

Além de melhorar o viço, ela tem demonstrado excelentes resultados no controle de infecções de pele ou seja, é um hidratante natural e que funciona também como remédio natural.

Como usar a argila preta no rosto?

Para usar a argila preta é muito mais simples do que se pensa: Em um recipiente coloque uma colher de sobremesa de argila preta com a mesma quantidade de água ou soro fisiológico. Em seguida misture bem até ficar uma pasta cremosa. Está feita a sua máscara facial.

Antes de passar a máscara, lave, limpe e seque o rosto. Agora sim, sua pele está pronta para receber a hidratação. Com uma espátula ou pincel de silicone, aplique a máscara no rosto, contornando os olhos e a boca. Deixe agir por 40 minutos. Uma dica está em ir hidratando a pele com um borrifador, pois não é recomendado deixar a máscara de argila preta secar na pele.

Em seguida, lave o rosto com água gelada. Passe um hidratante facial de sua preferência e pronto. Você pode fazer esse tratamento até três vezes por semana.

Pode usar em outras parte do corpo?

Sim, pode. O mesmo benefício que a argila preta terá no rosto ela desenvolverá nas demais partes do corpo. As regiões do corpo que ela pode ser aplicada são pernas, abdômen, virilha e bumbum. Assim como o rosto deve ser limpo antes da aplicação da máscara, é indicado também limpar e esfoliar a região do corpo que será tratada antes da aplicação.

Argila preta para os cabelos

Além de tratamentos estéticos com este milagroso produto natural, ela é indicada também para tratamentos capilares, ou seja, nos cabelos. Ela age diretamente eliminando as toxinas do couro cabeludo e auxilia na circulação sanguínea, o que ajuda a acelerar o crescimento dos fios.

Veja como usar a máscara nos cabelos:

Em um recipiente misture três colheres de sopa de argila preta com três colheres de sopa de soro fisiológico e uma colher de óleo de coco, até obter uma solução homogênea. Com um pincel capilar aplique na região do couro cabeludo, massageie em círculos e deixe agir por até 20 minutos. Enxague a argila e lave o cabelo normalmente com shampoo e condicionador.

Vale ressaltar que os cabelos podem estar sujos, ou seja, sem lavagem antes da aplicação do produto natural.

Com o uso regular da argila preta nas madeixas, os fios ficarão mais fortes e encorpados. Ela é excelente também no combate à caspa e oleosidade.

Onde comprar?

Ela pode ser encontrada em casas de produtos naturais, viveiros de plantas e também pela internet. Compra-se em pó e tem de vários preços. Lembre-se sempre de se certificar da origem da argila para que você não use produtos falsos que podem colocar sua pele e sua saúde em risco. Caso o produto cause alguma reação alérgica, recomendamos procurar o seu médico dermatologista o quanto antes, além de suspender o uso do produto.