Signo de peixes: saiba tudo sobres os piscianos

0 141

O décimo segundo e último signo do zodíaco é aquele que todo mundo sabe que vive no mundo da lua: o signo de peixes. Porém, o jeito sonhador não impede deles serem profundos e intensos quanto o assunto é parceria. Nascidos entre 19 de fevereiro a 20 de março, os nativos deste signo são regidos pelo planeta Netuno, o Deus dos mares e oceanos, ou seja, são emoção pura.

Pessoas do signo de peixes são bem complexas, pois trazem em si a confusão própria da dificuldade em definir uma identidade. As vezes são introspectivas, às vezes não. São sonhadoras, apaixonadas, sensíveis e choram com facilidade

Características do signo de peixes

  1. São sentimentais
  2. Extremamente sensíveis
  3. Sonhadoras
  4. São indecisas
  5. São místicos
  6. São criativos
  7. Amam ser gentis
  8. Tem empatia
  9. São perdidos financeiramente

Como são as pessoas do signo de peixes?

Nativos do signo de peixes carregam uma carga emocional gigante. Sofrem com as injustiças do mundo e querem tentar resolver todos os problemas. Sofrem porque não conseguem.

Geralmente os piscianos são indecisos. E por andarem nos dois mundos, ou seja, no mundo da fantasia e do mundo real, vivem essa inconstância. Também são considerados o signo do zodíaco mais sensitivo, daqueles que sentem vibrações e sabe o que vai acontecer. Pudera, por serem regidos por Netuno, conseguem ter estes sentimentos aprofundados, o que auxiliam também na sua criatividade.

  • O que os piscianos não gostam: não gostam de cobrança e não gostam que fiquem acelerando nas ações da vida.
  • O que os piscianos gostam: adoram carinho, romantismo, mimos, presentes diferentes. Amam serem conquistados.

Gostam de serem gentis com todos, não tem tempo ruim na hora de amparar, ajudar ou até conversar com o próximo. Os piscianos são péssimos administradores de suas finanças e são totalmente desligados do mundo material.

A mulher pisciana

O último signo do zodíaco, também são conhecidos como os sensíveis de todo o horóscopo. Saiba mais sobre o signo de peixes

A mulher do signo de peixes é amorosa, misteriosa, sedutora e vivem querendo lutar pelas causas do mundo, pois para ela, o mundo feliz tem pessoas felizes. São altruístas e empáticas e vivem por isso. Quando sentem-se incompreendidas, preferem se isolar e criarem as mirabolantes ideias que surgem nestes momentos de solidão.

Quando mães, são extremamente protetoras e tem instinto bem aflorado, daqueles que conseguem sentir o que o filho está passando se estiver longe. Adoram brincar com os filhos, afinal, entendem como ninguém do horóscopo como é o mundo da imaginação.

O homem do signo de peixes

Apesar de serem um pouco perdido e viver nas nuvens, os homens do signo de peixes adoram ajudar a todos. Esta é uma característica dos piscianos, isso é fato. Os piscianos são mais apegados e dependentes emocionais e não conseguem disfarçar o ciúme, portanto, se ele tiver ciúme, logo a companheira irá perceber.

O pai de peixes gosta de cuidar e está sempre por perto. É protetor e sabe muito bem o que o filhe quer e precisa. Ao invés de julgar, coloca-se no lugar delas. Tem um pouco de dificuldade de impor limites, pois entende as fragilidades e os temores das crianças. Sabe que elas criam soluções imaginárias para aliviar seus conflitos.

Combinação dos signos

  • Peixes com Áries: são signos diferentes e distintos. Áries é mais impetuoso, extrovertido e pode não compreender muito o universo de Peixes, que é mais introspectivo e sensível. No dia a dia o lado desligado dos piscianos pode incomodar um pouco o lado mais prático dos arianos. Mas, como dizem, havendo respeito o amor pode vencer.
  • Peixes com Touro: uma relação cheia de entrega e romantismo. Ambos tem uma conectividade muito boa. Coisas corriqueiras de ambos podem magoar, como a teimosia dos taurinos e a fantasia dos piscianos, mas nada que com muita cautela possa ser resolvido. Se joguem e vivam esse amor!
  • Peixes com Gêmeos: ambos são diferentes. Gêmeos é mais livre e racional e peixes é extremamente dependente e emoção. Pode até sentir uma forte atração, mas tende a não ser duradoura. Para que a relação dure, os dois terão de se tornar mais firmes, estáveis e constantes.
  • Peixes com Câncer: serão considerados o casal mais fofo do zodíaco, pois além de dividirem o mesmo elemental – água, são sensíveis e dependentes emocionais. Será uma relação de muito carinho, amor até as alturas. As brigas serão raras, pois a química será bem maior.
  • Peixes com Leão: um é extrovertido e determinado e o outro é emotivo e mais dependente. A relação destes dois signos pode ser positiva, pois um complementará o outro, porém, o único desentendimento que pode rolar é leão se incomodar com a instabilidade emocional dos piscianos e estes sentirem-se magoados com a expansividade dos leoninos.
  • Peixes com Virgem: um é terra e o outro é água, ou seja, se complementam. Essa relação é bem bacana porque os virginianos podem trazer um pouco os piscianos pro mundo concreto e os piscianos podem apresentar o mundo mais mágico aos virginianos. Por isso, com essas diferenças, a união pode ser positiva. O lado ruim será quando os virginianos forem racionais demais e esquecerem da pitada romântica da vida. Isso magoará profundamente os piscianos.
  • Peixes com Libra: são signos diferentes e que se houver relacionamento, tem que ficar alerta, porque os librianos prezam muito pela liberdade, já os piscianos são extremamente dependentes e até grudentos. Mas ambos gostam de dividir sonhos, planejar coisas boas para o planeta e viver em harmonia. Isso será um ponto que somará nessa união. Vivam intensamente!
  • Peixes com Escorpião: dividem o mesmo elemental e são extremamente parecidos na maneira de verem a vida: sensíveis, emotivos, intensos e dependentes. E aí é que está o gatilho dessa relação: a dependência. Os escorpianos tendem a reagirem com mais posse perante os piscianos que são mais ingênuos. Isso será um conflito a resolverem. Porém, para o amor nada é impossível.
  • Peixes com Sagitário: espiritualidade é o complemento dessa união. Tanto os piscianos quanto os sagitarianos são seres elevados e tendem a se conquistarem por isso. Será uma boa aproximação, só que sagitário é o lado mais razão do relacionamento, enquanto peixes, como já sabemos, é o lado emoção pura e transbordante. Às vezes, a brutalidade dos sagitarianos, o jeitão de falar a real pode magoar os piscianos, que podem irritar o parceiro com toda a dependência emocional marcante deste signo.
  • Peixes com Capricórnio: não é uma relação muito alinhada, porque os capricornianos são muito pés no chão, materialistas e realistas. Ao contrário dos piscianos que vivem no mundo da lua, são mais ‘sol, lua, estrela’ e emocionais. Essas características podem somar um para o outro e juntos conseguirem dividir o mesmo teto, mas terá de ser com muita persistência de ambos passarem por cima dos próprios jeito de ser. Se assim for, sejam felizes!
  • Peixes com Aquário: autoconhecimento e doação será a chave dessa união. Um é de ar e outro de água. Aquarianos são extremamente céticos e racionais enquanto os piscianos são pura emoção, dependentes e gostam de amar loucamente. A carência de peixes que será cobrada ao aquariano pode afastá-lo e isso tende a gerar brigas. O lado mais coração de gelo de aquário pode magoar peixes. Por isso, para que a relação perdure, tem que haver muito respeito.
  • Peixes com Peixes: românticos ao extremo, sensíveis e dependentes um do outro. Assim será a relação de peixes com peixes. Como sempre dizemos, a união de pessoas do mesmo signo tende a ser duradoura pois ambos se conhecem acima de tudo. O únicos desafio dessa união será o excesso de dependência que pode acabar criando um mundo paralelo e se isolar das pessoas.